“quem adormece em democracia acorda em ditadura”

Vários escritores de língua portuguesa publicam hoje no Público uma carta aberta em que repudiam o racismo, a xenofobia e o populismo e defendem uma cultura e uma sociedade livres, plurais e inclusivas:

“Quem gosta de Portugal jamais diz «Vão!», antes diz «Venham!».”

Temos assistido nos últimos meses a um crescente sentimento nacional de que falar de racismo em Portugal é dar palco a quem não o merece. Que estaremos a regar as sementes de uma dissidência que, de outra forma, murchará por si só.

Este sentimento é muito português. Aliás, é muito tuga. Olhar para o lado, assobiar para o ar, fingir que não vemos e esperar pelo melhor. Ficou-nos do fascismo – outra coisa sobre a qual não vale a pena manifestarmo-nos, porque também não existe em Portugal.

.

Foi neste obscurantismo que nasceu o Estado Novo e continua a ser nesta negação que Portugal se incumpre. Enquanto tivermos pudor em nos assumirmos, em sair para rua gritar, em afirmar com a voz o que somos e o que defendemos… seremos um povo que se falha a si próprio, que se amesquinha e diminui.

No entretanto, das sombras regressam as ameaças do passado, cada vez menos disfarçadas, cada vez mais acolhidas, num crescendo que nos devia aterrorizar a todos.

não basta sê-lo, é imperioso dizê-lo

#antiracista | #antifa(scista) | #antiLGBTQI+fobia | #antisexista

Antes de tudo, #feminista e #humanista.

Publicado por M.

Uma mulher. Um corpo, uma mente, um coração, uma alma. Dura, carinhosa. Desconfiada, crente. Chorosa, sorridente. Uma mulher, todos os mundos.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: