. do fascínio

O cheiro de uma pele.
Um olhar firme, sereno e perscrutador.
Uma voz grave, de peito, uma voz de declamar, que faz da minha sala uma catedral em abóbada.
O barulho de uma unha a deslizar contra o sentido do pelo da barba ao longo da linha do queixo.
Uma mão aberta, firme, de palma empurrada contra o fundo das minhas costas enquanto dançamos.
O desenho nu de uma crista ilíaca.
Dedos que dançam e navegam em inconsciência e abandono sobre o meu ventre.

Os homens são maravilhosos. 

Publicado por M.

Uma mulher. Um corpo, uma mente, um coração, uma alma. Dura, carinhosa. Desconfiada, crente. Chorosa, sorridente. Uma mulher, todos os mundos.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: