Amores impossíveis – Beirute, Líbano

Tenho um fascínio incontornável pelo que já foi e não volta a ser e Beirute habita no meu imaginário como algo que cheguei demasiado tarde para viver. Falhei o Maio de ’68, falhei Woodstock, falhei os cravos no Carmo. Nasci 30 anos atrasada.

A explosão no porto de Beirute virou novamente os olhos do mundo para essa Paris do Médio Oriente que nos habituámos a encarar como mais uma peça no xadrez do conflito Israelita. Aconteceu duas semanas antes de o Tribunal Especial para o Líbano divulgar a sua decisão sobre assassinato de Rafiq Hariri em 2005: “não existem provas de que a liderança do Hezbollah ou a Síria tenham tido intervenção direta no assassinato”. Foi condenado um dos quatro arguidos no processo, Salim Ayyash.

Com esta decisão, o Líbano continua no limbo esquizofrénico a que votamos o Médio Oriente – esse problema irresolúvel que os líderes mundiais vão deixando em herança aos poderes que se sigam.

Tal como a explosão de 2.750 toneladas de nitrato no porto de Beirute parece ser consequência de uma impunível mistura de desleixo e má-sorte, o futuro do Líbano prolonga-se nesse vácuo feito de inércia que vai perpetuando o sentimento de que a justiça nunca chegará e impede assim o processo de reabilitação.

Os protestos que arrancaram em 2019 sob o pretexto de impostos extraordinários podiam ter encontrado na incúria da catástrofe combustível para uma Primavera tardia, mas a ausência de justiça impede o fogo que impulsiona a mudança.

Beirute continua um sonho e o Líbano um estado cuja esperança falta cumprir-se.

Publicado por M.

Uma mulher. Um corpo, uma mente, um coração, uma alma. Dura, carinhosa. Desconfiada, crente. Chorosa, sorridente. Uma mulher, todos os mundos.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: